• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

#29MForaBolsonaro ganha as ruas de Aracaju neste sábado

204 manifestações em todo o Brasil pedem o impeachment de Bolsonaro pelo fim da política genocida, de privatização, desmonte do Estado Brasileiro, desemprego, fome e morte

Publicado: 29 Maio, 2021 - 15h49 | Última modificação: 31 Maio, 2021 - 08h49

Escrito por: Iracema Corso

notice

A luta venceu o luto da população brasileira neste sábado, dia 29 de maio. Trabalhadoras, trabalhadores, estudantes, militantes sociais e a população brasileira está construindo hoje, durante todo o dia, mais de 204 protestos contra a política genocida de Bolsonaro.

Em Aracaju, divididos em fileiras, com distanciamento, usando máscaras, álcool em gel e com a devida segurança sanitária, cerca de 5 mil pessoas ocuparam as ruas na certeza de que o presidente do Brasil é pior do que o vírus da Covid-19 que já matou 459 mil brasileiros.

A concentração do ato #29MForaBolsonaro aconteceu no mercado municipal de Aracaju e seguiu pelas ruas do Bairro Santo Antônio até a Avenida Maracaju, na Pça José Andrade Góis, próximo ao Colégio Estadual Ivo do Prado.

O presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT Sergipe), Roberto Silva, revelou que desde o mês de junho, de 2020, avalia a necessidade de ocupar as ruas para defender os trabalhadores. “Não dava pra ficar fazendo apenas Live e redes sociais enquanto os trabalhadores estavam se expondo a vírus diante de um Governo genocida. Hoje foi resultado desta construção de quase um ano de atos na luta por: por auxílio, por direitos, contra privatização, em defesa dos serviços públicos e principalmente por Fora Bolsonaro”.

Para o presidente da CUT Sergipe, o dia de luta é uma resposta da população contra o governo que não providenciou vacina para a população, agiu de forma criminosa e irresponsável diante de uma pandemia e com o apoio de deputados e senadores, segue desmontando do Estado brasileiro com privatizações e a Reforma Administrativa.

“Ver e ouvir as ruas de Aracaju avermelhar num único grito: Fora Bolsonaro foi forte, foi bom, mas foi a certeza que, apesar das críticas, estamos construindo a luta de classe em Sergipe, no Brasil e no mundo, pois enquanto existir capitalismo a luta de classe é necessária”, afirmou Roberto Silva.

Fora Bolsonaro: No Brasil e no Mundo

De manhã, de tarde e de noite, os protestos estão levando milhares de pessoas às ruas em todas as capitais brasileiras, em muitas cidades e, inclusive, protestos em frente às embaixadas do Brasil construídos por brasileiros que vivem na Alemanha, Estados Unidos, França, Inglaterra, Portugal, Uruguai, Espanha, Suíça, Bélgica, Austrália, entre outros.

Na cidade de Recife, o protesto pacífico foi manchado com o sangue dos manifestantes covardemente agredidos pela Polícia Militar.

A manifestação de rua construída pelo movimento sindical e o movimento popular conquistou visibilidade internacional. As postagens com a tag #29MForaBolsonaro alcançaram a 1ª posição sendo, neste sábado, o assunto mais falado nas redes sociais em todo o mundo.

Fotos: Jomara Costa