• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Nota de repúdio contra declarações de Belivaldo e por vacinação contra a Covid já

Publicado: 12 Janeiro, 2021 - 16h17 | Última modificação: 12 Janeiro, 2021 - 16h44

Escrito por: CUT Sergipe

notice

A Central Única dos Trabalhadores (CUT Sergipe) repudia a declaração do governador Belivaldo Chagas que em entrevista à Fan FM, na segunda-feira, dia 11 de janeiro, foi enfático ao afirmar que não vai comprar vacina para proteger a população da Covid-19.

Enquanto isso, Acre, Pará, Maranhão, Roraima, Piauí, Mato Grosso do Sul, Espírito Santo, Rio Grande do Norte, Paraíba, Ceará, Rio Grande do Sul, São Paulo e mais 912 municípios já solicitaram a vacina do Butantã.

A decisão do Governo Belivaldo de não comprar a vacina e abandonar a população sergipana à espera do Governo Bolsonaro expõe a saúde e a vida de todos. Os sistemas público e privado de saúde já se aproximam do colapso num momento em que a contaminação em Sergipe alcança o patamar de 1.372 novos casos de Covid e 11 óbitos, conforme o Boletim Epidemiológico divulgado no domingo, 10 de janeiro.
 
O Plano Estadual de Vacinação em São Paulo está previsto para começar no dia 25 de janeiro. Em Minas Gerais, a expectativa do Poder Público é iniciar a vacinação até o fim de janeiro. Outros 10 Estados se preparam para iniciar a imunização. Enquanto isso, Sergipe está entre os cinco estados brasileiros com crescente contaminação por Covid, sem perspectiva de vacina e sem nenhuma medida efetiva do governo do estado para sequer inibir o crescimento da Covid-19.