• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Vai ter luta em Sergipe contra a MP 905 e Reforma da Previdência Estadual

Publicado: 10 Dezembro, 2019 - 13h53 | Última modificação: 10 Dezembro, 2019 - 13h56

Escrito por: Iracema Corso

notice

Reunidos na CUT (Central Única dos Trabalhadores) na manhã desta terça-feira (10/12), as centrais sindicais e o movimento social decidiram reagir combatendo a Medida Provisória 905/2019 de Bolsonaro que aprofunda a destruição dos direitos trabalhistas e contra a reforma da previdência estadual de Belivaldo: para massacrar ainda mais os servidores estaduais que já acumulam 7 anos de perdas salariais.

Alguns dos efeitos da Medida Provisória 905/2019:

*Acabar com o descanso de trabalhadoras e trabalhadores aos domingos e nos dias santos.

* Permitir o pagamento do salário atrasado para além do 5º dia útil.

* Taxar o seguro desemprego.

*Impulsionar o trabalho insalubre, em locais perigosos e que atingem a saúde do trabalhador.

* Enfraquecer a carteira de trabalho.

*Extinguir os Conselhos Estaduais de Previdência que julgam os recursos de trabalhadores com direitos previdenciários negados.

*Desregulamentar a profissão de jornalistas, radialistas, corretores de seguros, químicos, entre outros.

O presidente da CUT/SE, Roberto Silva, afirmou que os deputados estaduais, federais e senadores que votarem a favor da Reforma da Previdência de Belivaldo e a favor da MP 905 serão lembrados como traidores dos trabalhadores, ao longo de todo o seu mandato. “Bolsonaro e seus apoiadores no Senado e na Câmara destruíram a aposentadoria dos trabalhadores do Regime Geral de Previdência. Aqui em Sergipe, o governo Belivaldo está enviando a cópia do projeto da Reforma da Previdência para a Assembleia Legislativa pra acabar com a aposentadoria dos servidores estaduais. O movimento sindical e social vai lutar para impedir que isso aconteça. Convido toda a população a participar desta luta. Vamos precisar de todo mundo”, frisou.

A secretária da CUT/SE de Relações do Trabalho e diretora do SINDIJOR/SE, Caroline Rejane, reforçou o convite para a manifestação unificada de jornalistas e radialistas que acontecerá na próxima sexta-feira (13/12) em frente ao antigo Bingo Palace, no Centro de Aracaju. “Os comunicadores de Sergipe constroem este protesto contra a MP 905 e em defesa do registro profissional para o exercício do jornalismo e do radialismo. O exercício dessas profissões por pessoas não habilitadas prejudica toda a sociedade. Não podemos esquecer que o Brasil foi enganado e elegeu o presidente ‘fake news’ acreditando num turbilhão de mentiras e notícias falsas divulgadas na campanha. Não podemos permitir a destruição do jornalismo de credibilidade”, destacou.

Agenda de Luta

Os trabalhadores e estudantes reunidos decidiram fazer, nos próximos dias, panfletagem nos terminais de ônibus de Aracaju para alertar a população contra a perda de direitos.

Sexta-feira 13/12, às 9hs, em frente ao Bingo Palace: Manifestação de Jornalistas e Radialistas em defesa do Registro Profissional.