• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Vitória! Após pressão do sindicato, Prefeitura paga salário atrasado

Publicado: 10 Julho, 2019 - 16h16 | Última modificação: 11 Julho, 2019 - 10h26

Escrito por: Iracema Corso

notice

Por dois dias, o Sindicato dos Servidores Públicos de Canindé do São Francisco (SINDISERVE CANINDÉ) resistiu, lutou e acampou na Secretaria de Administração do município para cobrar o pagamento do salário atrasado referente ao mês de junho além do pagamento do 13º salário que deveria ter sido efetuado, conforme acordo, até o dia 30 de junho.

Com a união dos trabalhadores na luta e resistência, na quarta-feira, dia 10 de julho, o SINDISERVE CANINDÉ, filiado à Central Única dos Trabalhadores (CUT/SE) e à FETAM (Federação dos Trabalhadores do Serviço Público Municipal), conquistou a vitória. Como resultado da pressão sindical, a Prefeitura efetuou o pagamento do salário atrasado e do 13º dos servidores públicos lotados na Secretaria de Educação, Saúde e também os trabalhadores do serviço geral.

O protesto na Secretaria de Administração de Canindé do São Francisco começou na terça-feira, dia 9/7. Enquanto cerca de 10 servidores cobrava respostas da administração, o presidente do SINDISERVE CANINDÉ e secretário adjunto de comunicação da FETAM, Emanoel do Aleixo, foi ao Ministério Público. Acompanhado de servidores, o presidente do sindicato denunciou o descumprimento do acordo feito com a Prefeitura de pagar o 13º de forma gradativa a cada agrupamento de servidores até sanar a dívida completamente. 

A estratégia do sindicato foi bem sucedida e após o resultado da luta, Emanoel do Aleixo comemorou o pagamento do salário e o 13º atrasado. “Olha a importância da união e da luta dos trabalhadores. Hoje está sendo encaminhado o pagamento dos trabalhadores de serviços gerais, Secretaria de Saúde e de Educação. Um grande abraço para todas as guerreiras e guerreiros que participaram deste acampamento ontem e hoje. Vocês foram fundamentais nesta conquista que beneficiou muitos servidores”.